quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Concha ao pesto de Nozes e Ricota














Nada melhor que uma massa para brindar os primeiros dias do novo ano. Leve, descomplicada, saudável e deliciosa! Na harmonização vamos degustar de entrada a poesia de Fernando Pessoa e em seguida uma indicação de vinhos da região de Campanha Gaúcha.
Autopsicografia
O poeta é um fingidor.
Finge tão completamente
Que chega a fingir que é dor
A dor que deveras sente.

E os que lêem o que escreve,
Na dor lida sentem bem,
Não as duas que ele teve,
Mas só a que eles não tem.

E assim nas calhas de roda
Gira, a entreter a razão,
Esse comboio de corda
Que se chama o coração.
Ingredientes:
-500gr de massa tipo concha
-(tomates maduros+ cebolas+ 2 colheres de massa de extrato)
-Azeite o quanto baste
-Folhas de manjericão para aromatizar
-200gr de ricota fresca + 80 gr de nozes trituradas + cebolinhas
-2 dedos de sal e toque de açúcar para quebrar acidez
Modo de preparo:
Passe a massa no vapor por 8 minutos. Em seguida recheie com a mistura da ricota + nozes e cebolinhas. Cubra com o molho e leve para gratinar. Sirva se possível com um bom vinho tinto. A nossa sugestão fica a cargo do excelente Merlot do Serro de Palomas- RS. Uma região com uma topografia especial, tendo um solo composto basicamente por arenito, com fragmentos de basalto interestra-tificado, proporciona excelente drenagem, uma vez que apresenta profundidade média de 1,5 a 2 metros.

De amadurecimento mais precoce do que a Cabernet Sauvignon, a Merlot geralmente produz cachos alados, de tamanho médio e bagas pequenas. Em Palomas, onde seus frutos têm um perfeito amadurecimento, é possível elaborar um vinho de explêndida complexidade, de sabor amplo, macio e aveludado. Tem aroma frutado de ameixas secas e coloração rubi com tons violáceos.



Um comentário:

Xana disse...

Essa massa está divinal :)...
Feliz ano novo
beijo